Banco de Investimentos: Como funciona e motivos para investir

Você conhece o investimento através dos Bancos de Investimentos? Essa oportunidade é muito atrativa e não pode ser ignorada, pois oferece aos seus adeptos várias vantagens e benefícios especiais para investidores. No entanto, muitas pessoas ainda possuem dúvidas sobre o funcionamento do banco de investimentos ou até mesmo do que se trata isso. Para que você considere uma opção em uma instituição financeira, é importante que antes compreenda o conceito daquela modalidade e quais são os pontos diferenciais dela em comparação com outros bancos. Dessa forma, você vai descobrir quais são as motivações que tornam esses bancos tão interessantes para quem quer investir.

Por isso, nós fizemos um artigo especial para te ensinar tudo que precisa saber sobre um banco de investimentos. Além disso, vamos te dar 7 motivos para usar esse tipo de instituição na hora de investir. Confira!

Do que se trata os Bancos de Investimentos?

Saiba como cadastrar o seu curriculum

Esses bancos atuam como intermediários financeiros que passaram pela regularização do Banco Central do Brasil (BACEN). Eles fazem a mediação de operações entre as pessoas, os investidores com os recursos, e as empresas. Todavia, atualmente existem vários bancos de investimento disponíveis. Eles são instituições privadas e formadas por um modelo de sociedade anônima. Nesse contexto, as operações realizadas nesses bancos usam uma estrutura especial, voltada para empresas. Essas operações abrangem, no geral, duas atividades diferentes.

A primeira atividade trata-se das participações acionárias ou societárias, que acontecem de forma temporária nas empresas. A segunda atividade nada mais é do que o financiamento destinado ao capital fixo ou capital de giro da empresa, a médio a longo prazo. A operação acontece por meio da aplicação próprios ou que foram recolhidos através do público, que são os investidores.

Esses bancos se diferenciam dos bancos comuns pelo fato de que o banco de investimentos não faz a oferta de serviços comerciais, isto é, não é possível fazer depósitos, transferências de dinheiro, pagamentos no débito, cartões de crédito, entre outros tipos de serviços que nós estamos acostumados a contratar em um banco. O foco dessas instituições são apenas os investimentos.

Como funciona esse tipo de banco?

Agora que você já sabe quais são as funções do Banco de Investimentos, é preciso que você entenda como ele vai funcionar, a fim de completar seus objetivos. Nesse banco, os recursos não são captados a curto prazo, como acontece nos depósitos. O objetivo da instituição é dar prioridade às operações de médio e longo prazo.

Assim, os recursos são captados através da emissão de produtos financeiros. Podem ser usados como exemplos os Recibos de Depósito Bancários (RDBs) e as Debêntures. O Banco de Investimentos também pode distribuir produtos vindos de outros emissores, além das suas próprias aplicações. Outra forma considerada é a venda e administração de cotas dos Fundos de Investimentos.

Você deve estar se perguntando quem fica responsável por fiscalizar os Bancos de Investimentos, não é? Isso fica sob responsabilidade do Banco Central e da Comissão de Valores Mobiliários (CVM). Assim, as transações acontecem de forma segura.

7 Motivos para fazer um investimento através do Banco de Investimentos

Você aprendeu do que se trata e como funcionam os Bancos de Investimentos, agora, suas dúvidas devem estar relacionadas a pergunta “por que eu investiria por um banco de investimento?”. Saiba que essa alternativa conta com várias vantagens para investidores. Dessa forma, nós escrevemos uma lista com 7 motivos para que você considere um banco de investimentos. Confira a seguir:

1. Esses bancos são transparentes

Os procedimentos acontecem de maneira bem mais descomplicada e com eficiência nos Bancos de Investimentos, uma vez que seu maior foco é atrair investidores. Assim, suas práticas os tornam instituições bastante transparentes. Elas oferecem plataformas especiais destinadas a investimentos, que permitem que seus usuários tenham acesso fácil a todos os dados que ele precisa para avaliar os produtos do banco.

2. Expertise

Essas instituições de investimento usam estruturas bem mais robustas do que outras encontradas no mercado. Dessa forma, um banco de investimentos consegue oferecer a melhor expertise nesse assunto, principalmente para centralizar o seu foco nos investimentos. Eles oferecem aos seus clientes uma equipe especializada para dar suporte durante os investimentos. Isso mostra como esses bancos possuem a capacidade e competência suficientes na hora de fazer investimentos de forma segura e eficaz.

3. Várias opções de renda fixa e renda variável

Como esses bancos são especializados em investimentos, eles oferecem aos investidores diversas alternativas. O banco abrange títulos de renda fixa, incluindo aqueles que foram emitidos por outras instituições, e permite que os investidores tenham acesso às operações de renda variável. No geral, cada investidor vai ter diversas possibilidades para construir uma carteira variada. 

4. Estrutura de análise

Essas instituições também disponibilizam uma estrutura de análise de investimentos muito bem consolidada. A equipe oferecida é composta por analistas que vão ajudar na avaliação de oportunidades do mercado e criar as melhores carteiras para cada investidor.

Um exemplo a ser citado é o BTG Pactual digital, que oferece aos seus investidores carteiras recomendadas de Small Caps, Dividendos e Ações, além de Fundos Imobiliários. Cada investidor também pode ter acesso a outros tipos de análise, que o vão auxiliar na escolha de ativos. Por isso, toda a estrutura vai servir como um apoio durante as decisões que forem tomadas pelo investidor, a fim de alcançar seu objetivo da melhor forma possível.

5. Atendimento diferenciado

Os atendimentos dos bancos de investimentos também são diferenciados e são muito bem aplicados para cada investidor. Por exemplo, no BTG Pactual digital, o investidor pode requisitar o atendimento sempre que quiser, por meio do Atendimento 24 horas. Esse não é apenas um canal de suporte automático, pois o investidor vai conversar com o time especialista e completamente pronto para suprir todas as necessidades dos clientes.

Ademais, é muito comum que essas instituições ofereçam assessores vinculados, sempre prontos para dar suporte e atender às demandas do investidor. Dessa forma, você vai ter todo o apoio para explorar o mercado financeiro da melhor maneira e escolher o investimento que mais se encaixa no seu perfil financeiro.

6. Custo mais reduzido

Através da sua estrutura de atendimento e os outros pontos de destaque, os bancos de investimento conseguem oferecer serviços sem cobrar taxas muito abusivas. No Banco BTG Pactual digital, os usuários não sofrem com a cobrança de taxa de corretagem em alguns tipos de investimentos, nem da corretagem regressiva. A empresa também oferece fundos de investimentos sem cobrar uma taxa de administração.

7. Segurança

Vale destacar outro ponto encontrado no banco de investimentos, que é a segurança sobre os valores que foram depositados. Uma vez que os valores serão depositados em uma conta corrente, eles estarão protegidos pelo Fundo Garantidor de Crédito (FGC). Esse Fundo é responsável por proteger até R$ 250 mil em dinheiro para cada CPF ou CNPJ por banco.

Caso qualquer tipo de problema ou imprevisto aconteça, como acontece quando a instituição entra em processo de falência, o FGC irá garantir que os valores que foram depositados estejam seguros. Todavia, essa regra não será aplicada sobre as corretoras de valores, uma vez que caso a empresa quebre, os valores que foram depositados não serão segurados.

Por isso, o melhor tipo de instituição para mediar seus aportes de forma eficaz são os bancos de investimentos. Nós te damos 7 motivos para se tornar um adepto desse banco e aproveitar seus benefícios. Assim, não deixe de considerar essa alternativa quando estiver procurando ajuda para atingir suas metas.